O que muda quando você come comida de verdade

Share on FacebookTweet about this on TwitterPin on PinterestEmail this to someone

repolho

Comecei a comer comida de verdade porque estava cansada de fazer dieta. Mas no fundo, no fundo, eu ainda queria emagrecer também. Os quilos a menos vieram com o tempo, mas outras mudanças incríveis aconteceram também! Veja algumas delas aqui.

O paladar muda

Hoje eu gosto de comidas que eu detestava antes. Os maiores exemplos são beterraba, repolho e fígado. Beterraba foi provavelmente a maior transformação, pois eu não conseguia nem sentir o cheiro antes. Hoje em dia eu amo sopa de beterraba, beterraba assada com ervas, e até beterraba cozida na salada. Outro alimento que eu também odiava era azeitona. Confesso que ainda não como uma azeitona pura inteira, mas estou começando a gostar de azeitona em determinadas receitas. Outro dia comi um peixe com molho de azeitonas e adorei!

Produtos alimentícios industrializados contêm uma série de ingredientes projetados para enganar nossos sentidos, como aromatizantes, corantes e sabores artificiais. Acredito que quando eliminamos essas substâncias da nossa alimentação, abrimos as portas para sabores mais autênticos e tradicionais.

A tolerância ao açúcar diminui

Eu era capaz de comer uma quantidade absurda de açúcar sem nem sentir. Biscoitos, bolos, sorvetes — eu sempre preferia a versão mais doce possível! E isso sem contar os muitos alimentos ultra-processados que eu comia. Você sabia que até molho de tomate e caldo de galinha contêm açúcar? Pois é, dê uma olhada nos ingredientes!

Quando parei de fazer dieta, continuei querendo comer doces, claro, mas passei a fazer tudo em casa e com duas modificações. A primeira, foi cortar açúcar refinado. Para adoçar receitas, uso mel, melado, banana, tâmara, maple syrup ou açúcar de cana integral. A segunda modificação foi cortar a quantidade de açúcar (ou substitutos) nas receitas pela metade. Se uma receita sugere duas colheres de sopa de mel, por exemplo, eu uso apenas uma. Com o tempo, minha tolerância a doces foi diminuindo, e hoje não tenho aquela vontade incontrolável de comer doces que eu tinha antes!

Mais vontade de comer comidas saudáveis

Meu maior medo quando parei de fazer dieta era perder o controle e comer besteira o dia inteiro. Fiquei muito surpresa quando isso não aconteceu! Pela primeira vez na minha vida, eu estava pensando no que eu deveria adicionar à minha alimentação, e não mais no que eu precisava cortar. Comecei a comer muito mais legumes e verduras, frutas, gorduras tradicionais, e órgãos de animais, como fígado e coração. Esses alimentos contém tantos micronutrientes (vitaminas, minerais, aminoácidos, etc) importantíssimos que meu corpo adorou! Hoje em dia, quando eu acordo, tenho mais vontade de comer uma deliciosa sopa de legumes do que um pão com geléia.

Outros “efeitos colaterais” positivos

O único “efeito colateral” físico que eu esperava era perder peso. Meu peso se regularizou em alguns meses, mas o incrível foi que vários outros aspectos do meu corpo se equilibraram também. Minha digestão melhorou muito, minhas unhas estão mais longas, e até meus dentes estão mais fortes! Meu sistema imunológico também está mais eficiente, e agora raramente fico doente.

Para outras pessoas, os efeitos podem ser diferentes. Conheço pessoas que resolveram muitos outros problemas ao focar em comida de verdade, como problemas de pele, desequilíbrios hormonais, queda de cabelo, e tantos outros.

E você, já tentou comer apenas comida de verdade por um tempo? Quais mudanças você notou?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *